Reestruturação em tempos de crise: por onde começar?

reestruturação

Share This Post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Existirão hoje uma miríade de processos de negócio e operações constrangidos devido à quarentena. Não apenas os negócios que dependem de interação direta entre pessoas, mas também aqueles que dependem da validação manual e assinatura de documentos. Ou da verificação de informação crítica que esteja guardada a sete chaves nos sistemas das organizações. Fornecer acessos via VPN aos colaboradores resolve apenas parte do problema e à custa do aumento dos riscos de cibersegurança.

Em paralelo com o restabelecimento das operações e processos de negócio críticos, as organizações são obrigadas a repensar a sua capacidade, a sua organização e a sua estratégia – são obrigadas a reestruturar-se. Para as organizações não será apenas necessário o equilíbrio durante esta fase; é necessário que demonstrem fortes sinais de recuperação à medida que regressamos à normalidade. Tal dependerá tanto da dimensão dos impactos no imediato e como do sucesso das transformações agora impostas às organizações.

Que lições tirámos da última crise?

Em 2009, no pico da última grande recessão mundial, Roger Martin-Fagg, economista do Reino Unido, escreveu um relatório em que dizia: “Fica claro para mim que não estamos a passar por um ciclo comercial típico. Em vez disso, estamos numa descontinuidade, onde há uma mudança radical nas sociedades, sistemas e desempenho, com resultados que só podem ser calculados, mas não previstos.” 10 anos depois, por motivos diferentes, vamos enfrentar o mesmo tipo de turbulência nos mercados globais. E tal como em 2009 vai ser necessário que entremos em modo de reestruturação.

As implicações de uma reestruturação

A reestruturação de uma empresa, independentemente da área em que actue – ou dimensão -, requer uma abordagem disciplinada e focada. Requer um método metodológico e analítico, pois só assim ocorrerão as mudanças estruturais no seu modelo de negócio. Ou seja, é preciso coragem e assertividade, mas em primeiro lugar há a necessidade de um plano estratégico capaz de conduzir a reestruturação.

Um dos pontos mais difíceis para alguns empresários e administradores é… esquecer o passado. O conceito é simples – há algumas áreas da sua empresa que devem cair. São esferas da empresa que promovem atrasos, têm custos elevados e não têm lugar na Indústria 4.0. Reestruturar implica, mais uma vez, coragem e assertividade para fazer escolhas difíceis mas essenciais para a continuidade e reforço da competitividade das empresas.

Chegou o tempo de desenvolver uma visão ainda mais integrada das operações, processos de negócio e da tecnologia disponível. É hora de definir uma estratégia ambiciosa e de longo-prazo para a transformação digital, operacional e humana das organizações. A inovação passou de opcional e experimental a essencial e crítica para o sucesso dos negócios. A reestruturação praticada irá fazer a diferença entre os que vão apenas sobreviver e os que dela sairão mais fortes.

Como pode a genesis.studio ajudar na reestruturação?

A nossa abordagem foca-se na identificação de como várias tecnologias podem ser integradas. No processo simbiótico entre tecnologias existentes e emergentes e em como esta simbiose gera valor através da automação de processos. Este aumento de eficiência a vários níveis nas organizações, dos negócios às operações e tecnologia, significa full-stack automation.

Através da nossa metodologia e do nosso produto Gen.Flow  garantimos uma adoção harmoniosa e eficiente de tecnologias emergentes como RPA e Machine Learning, aplicações de Smart Contracts e tecnologias blockchain e DLT, através da sua integração com um vasto leque de aplicações e tecnologias tradicionais – isto é distributed integration.

Queremos ajudar os nossos clientes a ultrapassar mais rapidamente desafios do presente e a ficar melhor preparados para o futuro. Para identificar como a sua organização pode gerar valor através da adoção de novas tecnologias, basta uma conversa connosco. Contacte-nos!

More To Explore

robotização
Uncategorized

What can you do with Machine Learning?

What is Machine Learning (ML)? ML can be simplified as the subset of Artificial Intelligence (AI) focused on computer algorithms which improve automatically through experience,

Asset 10

Found something interesting?

Get in touch and find out all we can do together

Give Us A Call​​

(+351) 914 001 194

Meet us

R. António Champalimaud, 1 1600-514 Lisbon, Portugal

Send Us A Message​​

info@genesis.studio

WhatsApp

(+351) 914 001 194